SANCTE PETRE, quo vadis? quid facis?

Artigo escrito por três ex-seminaristas da Fraternidade Sacerdotal São Pedro (FSSP) em 1993, onde denunciam a falsa caridade e a hipocrisia referente à suposta Tradição que, ainda naquela época, diziam defender. Denunciam também o beco sem saída no qual se transformou e como a Nova Roma Modernista e a Comissão Ecclesia Dei usam dessa associação de direito pontíficio (?) para tentar destruir os últimos redutos de Tradição que ainda condenam publicamente o Concílio Vaticano II.

Dom Marcel Lefebvre tinha razão quando, ainda em 1988, disse que não levariam 10 anos para serem engolidos. Foi otimista demais, o arcebispo…

Para baixar o artigo, em PDF, clique aqui.